Beber água faz bem à pele?

Muitas vezes não valorizamos o que nos está mais próximo e que é essencial para a nossa sobrevivência. Como a água, esse ouro transparente.

É mesmo importante beber água?

A água é um nutriente essencial para todas as formas de vida conhecidas.

No nosso corpo estima-se que 60% do peso seja composto por água, que tem funções variadas:

  • transporte de nutrientes
  • limpeza do organismo, pela diurese
  • regulação da temperatura corporal, pela libertação do suor
  • regulação intestinal
  • produção de energia

Um dado interessante que comprova a importância da água no nosso organismo é a quantidade de água no cérebro (cerca de 75% da massa cerebral); se sofrermos desidratação em cerca de 2% do valor normal, é o suficiente para provocar um efeito negativo nas nossas funções cerebrais.

Beber muita água é bom para a pele? Mito ou realidade?

É comum ouvirmos dizer que, para mantermos a nossa pele fresca e saudável, é essencial beber bastante água.

Talvez te surpreendas, mas a verdade é que existem pouquíssimas evidências para confirmar esta teoria.

Na verdade, não há muitos estudos experimentais que evidenciem a influência da quantidade de água ingerida em resultar em peles mais suaves e saudáveis. Talvez a razão seja só por a água não poder ser patenteada…e por isso não se encontrar alguém disposto a financiar esta pesquisa…

Encontrei um estudo feito por Ronni Wolf, dermatologista de Israel, chefe de equipa de Dermatologia do Kaplan Medical Centre, que avaliou os efeitos sobre a pele, comparando a pessoa que bebe água mineral com a pessoa que bebe água da torneira. O estudo, após quatro semanas, não encontrou qualquer diferença na quantidade de rugas ou na suavidade da pele dos participantes, independentemente do tipo de água ingerido.

Isso não quer dizer que a desidratação não exerça qualquer efeito sobre a pele. Podemos avaliar, em parte, as consequências da falta de água sobre a pele ao medirmos a sua elasticidade – basta beliscares uma porção de pele e observar quanto tempo o tecido demora a voltar à posição inicial. Se estiveres desidratado, haverá uma perda de elasticidade da pele e demorará mais tempo a recuperar a forma normal.

Porém, se é verdade que beber menos água do que necessário é mau para a pele, não quer dizer que beber quantidades excessivas de água seja bom. Isto seria equivalente a dizermos, como disse Wolf, como um carro precisa de gasolina, então quanto mais gasolina, melhor!

Existe o argumento que 30% da nossa pele é constituído por água, portanto, ingerir líquidos mantém o viço da pele. Isto até pode ser verdade, mas a aparência jovem da pele depende muito mais de fatores como herança genética, exposição ao sol, danos causados pelo cigarro ou cuidados e tratamentos dérmicos ao longo da vida.

Para que a pele capte as virtudes da água, tanto por dentro como por fora, é necessário que bebamos a quantidade suficiente e que apliquemos fórmulas hidratantes que penetrem no interior das células. Seguindo estes dois conselhos básicos, a nossa cútis fica saudável e com vida.

Mitos relacionados com a água

Beber água com limão é benéfico para a minha saúde?

Está comprovado que este método apenas é benéfico no sentido de estimular a beber água quem não goste de o fazer.

Devo preferir beber água alcalina em relação aos outros tipos de água?

Um corpo saudável, que funciona bem, mantém o seu pH ideal não variando significativamente com aquilo que bebemos e comemos. Tirando casos muito específicos, não há qualquer benefício em beber água mais alcalina que o normal.

Toda a gente deve beber 8 copos de água por dia?

Não! Somos todos diferentes, com atividades e alimentação variadas. A maioria dos alimentos que ingerimos apresentam água na composição. O tipo de alimentação também tem quantidade diferente de água; enquanto uma alimentação nos Estados Unidos América tem em média 22% de água e muitos condimentos, uma dieta mediterrânica, com frutas e legumes, tem uma média muito superior.

Conclusão: não há evidências de que beber mais água seja bom para a pele. E também não existe uma regra definitiva sobre a quantidade de água que deves beber, já que depende do estado de saúde em que te encontras, do clima e do tipo de atividade que realizas no teu dia a dia.

Mas… o corpo humano é muito bem concebido, precisa de muita água para funcionar bem e para que resplandeça saúde no teu rosto! É essencial que nos habituemos a beber água desde crianças! E…vou revelar-vos um segredo – nós temos um guia interno que nos ajuda bastante a aferir a água que precisamos: a sede. Nunca tenham sede - bebam água!

Deixe um comentário

Tenha em atenção que os comentários precisam de ser aprovados antes de serem exibidos